Como Limpar Arquivos Temporários no Windows

Arquivos temporários, como o nome sugere, são arquivos que contêm informações necessárias para que uma operação específica ocorra sem problemas e que são excluídos após a conclusão do trabalho. Existem vários casos em que esses arquivos temporários são criados, incluindo sempre que você está editando documentos como Word ou Excel, imprimindo um arquivo, como parte da operação do navegador da Web na forma de arquivos de cache, etc. Muito frequentemente, no entanto, o os arquivos temporários não são excluídos como pretendido e são deixados no sistema. Embora geralmente tenham tamanhos insignificantes, o grande volume de arquivos temporários que podem se acumular pode resultar na ocupação de uma parte significativa do disco rígido. É por isso que às vezes é necessário que o usuário remova manualmente os arquivos temporários de seu computador.

Os arquivos temporários são armazenados em locais diferentes, dependendo do motivo de sua criação. Se fossem necessários para um processo do sistema, os arquivos poderiam ser gerados em C:\Windows\Temp. Os arquivos temporários associados a um aplicativo específico geralmente serão colocados no diretório App Data na pasta do usuário. Por outro lado, cada navegador da Web tem sua própria pasta dedicada onde armazena seus arquivos de cache associados.

Excluindo arquivos temporários

Um dos métodos mais fáceis de limpar arquivos temporários do computador é usar o utilitário de Limpeza de Disco integrado.

  1. Abra o menu Iniciar.
  2. Selecione 'Todos os programas'.
  3. Abra 'Acessórios'.
  4. Escolha 'Ferramentas do sistema'.
  5. Clique em 'Limpeza de disco'.
  6. Selecione os tipos de arquivo específicos que deseja remover selecionando-os na seção 'Arquivos a serem excluídos'.
  7. Clique em 'Ok' quando estiver pronto.

Um método alternativo para acessar a pasta Temp e excluir os arquivos localizados nela é:

  1. Pressione a tecla Windows (logotipo do Windows) + R no teclado.
  2. Digite ou cole %temp>#/p### na janela Executar.
  3. Exclua todos os arquivos localizados na pasta que é aberta.